Ao utilizar este website está a concondar com a nossa política de uso de cookies. Para mais informações consulte a nossa política de privacidade e uso de cookies, onde poderá desactivar os mesmos.

OK

Oficina mais próxima

MForce Cascais Shopping

SAÚDE AUTO

210 115 017

Fale com um especialista

MarcaçãoMarcação

Encontrou uma fuga por baixo do carro? Acha que o seu carro está a perder óleo? Perder óleo é uma avaria muito comum quando certos componentes se aproximam do fim da sua vida útil. Por isso, assim que notar a primeira fuga no chão da garagem ou no local onde estacionou, saiba o que fazer!  

 

Para que serve o óleo do carro? 

Antes de mais, convém perceber quais são as funções do óleo:

  1. Lubrificação. As peças dentro do motor estão em constante rotação e fricção. Portanto, a principal função do óleo é lubrificar as componentes, reduzir o atrito e evitar o desgate das peças. Pela mesma razão, também diminui as emissões de CO2 e partículas para a atmosfera.
  2. Arrefecimento. A combustão e a fricção das partes mecânicas faz com que a temperatura dentro do motor seja muito elevada. O óleo ajuda a retirar o calor do motor, o que previne o sobreaquecimento.
  3. Limpeza. A fricção entre os componentes produz pequenos resíduos metálicos. Sem o óleo do motor, estas impurezas não são removidas e podem “entupir” o motor e reduzir muito a sua performance.
  4. Ação anticorrosão. Os óleos modernos têm aditivos que atuam contra os ácidos corrosivos que circulam no motor. No entanto, quando o óleo entra em contacto com o oxigénio, oxida e perde este poder. Essa é uma das razões pela qual deve mudar o óleo com frequência!

O carro perde óleo: que faço?

1. Perceba se é mesmo óleo

Em primeiro lugar, calma! Certifique-se de que se trata mesmo de uma perda de óleo. A fuga de óleo tem uma cor negra ou castanha muito escura. No entanto, o carro também pode ter outras fugas que podem induzir o condutor em erro, nomeadamente: 

  • líquido refrigerante (normalmente de cor verde, laranja, rosa ou azul esverdeado)
  • óleo da transmissão do carro (cor avermelhada ou acastanhada)
  • óleo dos travões (amarelado)
  • ou mesmo água, que é apenas condensação decorrente do uso do ar condicionado.

 

2. Analise a gravidade da fuga

A vareta do óleo está lá para nos ajudar a verificar o nível de óleo. No entanto, há alguns passos que deve tomar para garantir que a vareta é de facto o indicador correto:

  1. Comece por estacionar num piso plano. Um local inclinado vai dar-lhe leituras erradas;
  2. Aguarde 10 minutos com o motor desligado para que o óleo descanse dentro do reservatório;
  3. Limpe a vareta num pano branco com algum cuidado;
  4. Insira a vareta até ao fundo do reservatório e retire-a cuidadosamente;
  5. Verifique se o óleo se encontra entre as indicações “mínimo” e “máximo”.

✔ ️ Se o nível de óleo ainda estiver entre os limiares mínimo e máximo, pode respirar de alívio e procurar calmamente uma oficina.

Se o nível de óleo estiver abaixo do mínimo, pode ser uma avaria grave com potencial para gerar outra avaria ainda pior no motor. Por isso, recomendamos que encha o depósito ou, se possível, que evite conduzir. 

Se o nível do óleo estiver acima do máximo, trata-se de óleo em excesso! No caso de ter adicionado óleo a mais, há o risco de começar a arder. Por isso, não circule com o carro e contacte a assistência retirar o óleo excedente.

 

3. Procure a causa da fuga

As potenciais causas de uma fuga de óleo são tantas que o melhor é confiar essa análise a um profissional.

Habitualmente, há três principais causas: fuga pelo reservatório, pelo turbo ou pela junta da cabeça do cilindro. Há uma quarta hipótese, associada a revisões pouco cuidadosas, em que podem ter forçado a junta da cabeça do cilindro ou encheram demasiado o depósito. 

Dependendo da origem da avaria no seu carro, a resolução é muito diferente.  Por exemplo, a fuga a partir da junta da cabeça do cilindro é mais difícil de arranjar e, à partida, é mais dispendiosa. Esta avaria requer um procedimento mais exaustivo que as outras para garantir que o líquido refrigerador e o óleo não se misturam, o que seria catastrófico para o motor.

Se houver uma fuga no reservatório, provavelmente será mais fácil de resolver. Habitualmente, trata-se de um parafuso mal apertado ou a arruela que precisa de ser substituída. Ambas são reparações rápidas e simples.

Uma avaria no turbo pode dever-se a dois motivos: ou atingiu o fim de vida útil do turbocompressor, ou está a usar um óleo de má qualidade. Na MForce recomendamos usar sempre o óleo recomendado pelo fabricante e de marcas reconhecidas. Por outro lado, a troca completa de um turbocompressor acarreta custos muito mais avultados.

Finalmente, como já explicámos, uma revisão pouco cuidadosa pode interferir com o normal funcionamento do sistema de lubrificação. Por isso, faça sempre a revisão numa oficina que mantenha a garantia do fabricante.

Como evitar fugas de óleo? 

Depois de solucionar o problema, adopte algumas boas práticas para reduzir problemas com o óleo do carro no futuro:

  • Em primeiro lugar, utilize sempre o óleo recomendado pelo fabricante e evite óleos de baixa qualidade. Os óleos mais fracos contêm impurezas que danificam as partes mais cruciais no automóvel. Para poupar uns euros no óleo, está a hipotecar o seu motor.
  • Em segundo lugar, é recomendável trocar o filtro do óleo quando troca o óleo do motor. A função do filtro do óleo é precisamente filtrar as impurezas que ficam no óleo quando este lubrifica os diferentes componentes mecânicos do motor, como resíduos de combustão ou fragmentos metálicos. Por isso, um filtro antigo reduz a quantidade de óleo que passa para o motor.

Esperamos que agora esteja consciente da importância de verificar regularmente o nível de óleo e de usar apenas as marcas de óleo lubrificante recomendadas pelo fabricante. A par desta informação, devia saber como mudar o óleo do carro, os tipos de óleo que existem e a sua durabilidade


Para a revisão oficial do carro, pode contar sempre com os profissionais das oficinas MForce!

Serviços MForce
ver todos os serviços
  • Mantemos a Garantia
  • Peças Homologadas
  • Técnicos Profissionais
A pensar em si
A PENSAR EM SI
Saúde Auto

Saúde Auto

Higienização

Higienização

Recolha Entrega

Recolha Entrega*

Recolha/entrega chaves 24h

Recolha/entrega chaves 24h*

Serviço Mobilidade

Serviço Mobilidade*

Marcação digital

Marcação digital

MForce, a melhor solução integrada para resolver qualquer problema do seu carro

Profissionalismo     Fiabilidade e Garantia     Conveniência     Rapidez     Qualidade e Preço

 

* Serviços disponíveis em oficinas selecionadas. Para mais informações ligue 210 115 017